terça-feira, setembro 05, 2006

Sua chance

[Um dos meus passatempos prediletos é vasculhar o Ebay e seus derivados australianos e neo-zelandeses procurando por raridades, revistas antigas (velhas não!), filmes perdidos em algum lugar da memória e quetais.
Numa dessas, encontrei o sonho e pesadelo de todo curioso/colecionador: uma coleção inteira à venda.
1077 edições de toda sorte de revistas de surfe desde 1967 (ano da minha graça), um sonho.
10.000 Dólares...
Uma bagatela, para quem dispõe do erário.
No caso dum Goiaba, resta apenas a recomendação (pouco provável para quem frequenta essa espelunca) e a vontade de manipular (Epa!) esse tesouro.
Faltando grana pra coleção inteira, o amigo pode levar por módicos US $ 395.00 a Surfer número 1 de 1960



ou US $1,250.00



pela número 2, estréia do Rick Griffin com seu mitológico personagem Murphy.
O anúncio na íntegra aqui embaixo.
Observação: os vendedores são diferentes, se é que isso importa.]



'A collection of 1077 surfing magazines from the 1960's to 2000's is being offered for sale.

A FULL DETAILED LISTING IS AVAILABLE ON REQUEST

The collection includes 315 issues of "Surfer" from 1967 to 2002. 262 issues of "Surfing" from 1969 to 2002. 92 issues of "Surfing World" from the late 1960's to 2000. 113 issues of "Waves" from volume 1 to 2005. 106 issues of "Australian Surfing Life" from 1986 to 2005. 167 issues of "Tracks" from 1986 to 2005. 15 issues of "Deep", from volume 1 to 2000, and 7 issues of "Surf" from volume 1 to volume 3.

A detailed listing is available on request.

95% of these magazines are in excellent condition and the other 5% are in very good condition. 6 issues of "Surfing" have no cover.'

11 comentários:

Anônimo disse...

Muito oportuna sua indicação Julius...
Espero que o sportv adquira essa coleção e dê de presente para o Thiago Brant... Acho que ninguem aguenta mais tanta bobagem.. Ele solta essas merdas com um tom de quem conhece que nos deixa mais putos ainda... Um bufão da Zona de empalho... Pobre do DJMB, que tem que corrigir cada bostejada do brant.
Aí diretores do sportv, tirem esse prego daí... já perderam o Bocão e sua turma, agora vão perder a audiencia... afinal, NÃO SOMOS TÃO IMBECÍS ASSIM.
E se o sportv não arrematar, a Fluir e a Hardcore podem fazer uma vaquinha e levar..., se bem que, até onde sabemos, ninguem lá tem o gosto pela leitura.
Roger Banno

André Côrtes disse...

olha .... cuidado com as ofensas.... tadando processo...

Anônimo disse...

Se eu comprasse essa coleção tava arriscado da minha amada esposa jogar tudo fora , como já fez com vária revistas que eu com carinho guardei por décadas .

Anônimo disse...

Daeee galerinha do Urf!!! Amanhã é 7 de Setembro, dia da República! Vamos todos prestigiar a Manifestação "Corrupção Zero" do mestre das tablas O´Dorey. vai ser lá em Ipanema. Quem é do Urf não pode faltar, eim?

Vamos jogar muita água em cada manobra na cabeça desses políticos!!

Uhuuuuu galera! É amanhã!

Aloha

Jonatas

Pedro disse...

Julio
até transpirei quando li este post, sou um coleccionador nato e segundo diz a história da minha familia deve ser genético, fui educado a guardar tudo e a acarinhar os meus gostos sempre que possível, tenho guardadas todas as revistas de surf que comprei na vida (excepto as que emprestei e não me devolveram) bem como as pranchas e um série de outras colecções que não são relacionadas com surf, mas como só tenho trinta e poucos anos as joias da coroa da minha colecção são uma SurfPortugal nº 1 uma Fluir Bodyboard nº 1 uma Fluir edição especial dedicada a Guerry Lopez de 1987 masi duas ou três reliquias contemporaneas, mas só a ideia de ter uma Surfer nº 1 fez-me tremer se não tivesse acabado de comprar uma casa ia já ao banco e arrematava a colecção toda
:)
um abraço e boas ondas

Anônimo disse...

É brincadeira!!! Agora o Sr. fred d'orey se lembra dos surfista e nos convoca pro seu desfile de moda travestido de passeata.
Deveria se lembrar sim, de patrocinar surfistas de ponta e eventos profissionais e amadores, já que sua marca se diz tão SURF...
Todos nós sabemos que ele é dono da Totem, surfwear direcionada ao empresário paulista não-surfista.
Bem como a RIP DOREY, surfwear direcionada ao público suburbano e desenformado... Nos dois casos ele enche os bolsos de grana, mas pouco reverte ao esporte no qual já foi profissional.

ps: Aí jonatas, vc é sócio da ABOG? acorda pra vida bobinho...
Dom Carlos

Anônimo disse...

Caro Adler, parabéns pelo blog, Concordo em genero, numero e grau com o Dom Carlos... como surfista das antigas, testemunha das peripécias do Fred, fica dificil acreditar que ele se tornou mais um vampiro do surfe...
Marcão

bodyboard disse...

o que é ABOG?
Abraços

Johnny Utah disse...

Na falta de um espaço melhor faço aqui mesmo:

Heitor Alves - Esse cara tem nível pra WCT? Tá sempre solto na vala, merece atenção!
Léo Neves tem que entrar no WCT 2007.
Só assim vai poder mostrar a que veio ou se contentar com o brasileiro. Agora, que tem mais surfe que um marcelo nunes da vida, ah tem!!!

Anônimo disse...

Heitor Alves ? WCT ?
Não tem nível não .
Solto na vala ele pode ser , mas porradeiro e fluido nos point breaks .... acho que fica ruim pro menino.
FORZA ITALIA

Ze disse...

Criticar o Thiago Brant? Parabens! Esse imbecil devia estar fritando bolinhos... Nao saca nada de nada. Chego a me arrepiar de odio quando vejo que ele vai cobrir algum evento. principalmente os de skate, DAH MEDO!!!

Criticar empresarios que vampirizam o surf? Ta tranquilo e apoiado.

Agora, criticar atletas que tao ralando o couro eh lamentavel. Se o Nunes tem ou nao nivel de estar no WCT nao eh a questao. O cara se dedica ao maximo!

A questao eh quantos do nivel do Nunes (ou melhores) nao existem no Brasil e nao conseguem suporte pra tentar o circuito internacional?!

Estao confundindo carisma com talento.

Fora isso, tenho mais o que fazer com 10 mil doletas do que empilhar papel velho... Houahahahah!