sexta-feira, julho 15, 2011

Diario sul-africano 1

Pela primeira vez um brasileiro vai defender a liderança do ranking com o Tour pegando fogo na sua quarta etapa.
Basta lembrar do ano passado, Jordy, Taj e Slater correndo atrás feito loucos para sair daqui na frente da concorrência.
Hoje a maior concorrência somos nós, ou melhor, é o Adriano de Souza.
Mas não esperem que o resto do mundo vai dar muita importância a isso.

Um comentário:

ernesto disse...

Julio,
Complementando sua texto na Hardcore:

1. A forma mais eficaz do Slater demonstrar sua revolta com o tour ( e os tais 8 point rides com floaters), seria apenas boicotando a etapa do seu patrocinador em NY. Assim ele ( mao de vaca notorio) abre mao da enorme premiacao, e mantem sua coerencia, provando nao ser um hipocrita e mal perdedor. Afinal a unica defirenca entre Long Island e a barra da tijuca, 'e a temperatura da agua.

2. Preciamos dar menos importancia 'a opnioes dos falidos americanos. Afinal somos o BRASIL, algo como ser o " google" dos paises, e eles os "EUA" algo com ser a decadente "American Airlines" . Vamos torcer para nao virarem caloteiros e devedores da China para nao termos de emprestar...

3. Reclamar das marolas do Tour, fazendo feio em tavarua 15 p'es nao pega bem pro super campeao dos campeonatos. Ele foi o pior na agua, e ainda fez a presepada de entrar com uma 5'11", nao arrumar nada, e depois no dia seguinte, voltar as " origens" com uma gun... Faltou apenas o Danilo para junto com os Nathan, Bruce e Cristensen, botar Slater no seu devido lugar (Jefreeys) e parar de chorar.

Abs
Ernesto