terça-feira, dezembro 05, 2006

Do Mar, do Rio

Com o espírito natalino de final de ano, listo aqui umas bolachas (do tempo das bolachas, sim senhor! pretas e gordas.) que levam o balanço do mar em cada sulco.
Resolvi botar isso aqui pra ver se afugenta essa onda de desavisados que perde precioso tempo batendo boca nos comentários do blogue.
Goiabada é lugar de repouso, meditação, exaltação ao surfe e seus derivados, líquidos e gasosos (alguem falou sólidos ? saiba que desmancha no ar...).
Lendo um ou outro comentário, percebi que falta uma certa tranquilidade na vida dessa gente bronzeada e ansiedade é um problema grave, voces bem sabem.
Selecionei logo uma discoteca inteira de música de praia, pra ouvir na praia, patroa deitada na areia, cabeça no colo, cafuné, sol morrendo, aguinha de coco, Ipod 60 GB lotado e duas caixas JBL, clima despojado ráitéqui, mora ?

A solução é simples: clica na capa do disco e baixa, sem pressa.
Recomendo decorar todas letras do Caymmi, dormir cedo e escovar os dentes todos dias.

Mais uma vez, a cortesia é do (rufam os tambores...) sensacional, espetacular, formidável, Fabuloso, extraordinário e já mitológico saite do Loronix.

PS: para usar o Rapidshare, clica aqui e aprenda - pode baixar um por hora.

























7 comentários:

Anônimo disse...

Post do ano!

Anônimo disse...

Ótimas dicas, Esse do Tamba 4 (seria o Tamba Trio com mais 1?) é sensacional!! Nunca tinha me dado conta mas parece que esse selo é do cacete lembrei do logotipo nos discos do Eumir Deodato que tenho por aqui também lançados pelo CTI records e aí está mais um motivo para me levar a garimpar lp`s em sebos. Vai daqui o incentivo para que a parte musical do goiabada seja mais frequente!!!

Viva La Brasa disse...

Salve Julião, firmeza total. Em breve te mando um email, falou? Muito legais a lista dos vinis, não conhecia o Laurindo Almeida, mas esse cara tinha as melhores capas de discos da época, sem dúvida. A capa do Caymmi, por outro lado, me lembrou duma HQ do Angeli...
Cena: Casal na praia namorando
Ele: "O mar quando quebra na praia é bonito, é bonito..."
Ela: "Que merda!"
Ele: "É do Caymmi."
Ela: "Que lindo."

Johnny Utah disse...

Sei que não é assunto pra blog de surfe, mas alguem tem que dizer:
Muito legal essa nova tendência de democratização de tudo, todo mundo dá as suas clicadas (inclusive eu) e temos acesso a todo tipo de conteúdo, mas o artista que vai poder ser artista e viver da própria arte serão aqueles que puderem fazer SHOWS, porque quem já se foi só se for em sessão espírita...

zecalouro disse...

Julião,

Fantástica a sua seleção, especialmente os dois Caymmis, disparado o que tem de melhor do *mestre*.

Fiquei todo faceiro quando você (rufou os tambores...) para falar o Loronix. Bacana Brou, mandou bem...

Sucesso com o Goiabada, que de cascão não tem nada.

Abraços, zecalouro

Anônimo disse...

Você deveria avisar do perigo desse blogue. Comecei baixando os discos do post e fui dar uma "olhadinha" nesse Loronix e fiquei viciado. Tô baixando tudo e fuçando todos os arquivos antigos do blogue e já me peguei várias vezes com o cartão de crédito na mão para liberar logo o rapidshare da agonia de fazer apenas um dowload por hora...

nelico disse...

muito bom. sensacional!!!

sem palavras...

www.soul_surfer.blogger.com.br