domingo, julho 30, 2006

Machado



Bob fez de novo.
Com dois resultados apenas, ele tem 4000 pontos.
Eu gostava de apostar duzentas pratas numa volta raivosa ao WCT, mas creio ser pouco provável.
Impressionante é a força da imprensa americana empurrando Mike Losness, uma das maiores fraudes da história recente do surfe mundial, para um terceiro lugar em evento de tamanha importância.
Michael Campbell, um leão, volta aos 44 sem a menor sombra de dúvida, num retorno tão admirável que só perde para a irresistível volta do Neco.
Neve, Kling, Basnett e Kerr despencam nos próximos eventos.
Levanta o dedo quem não queria ver Machado perdendo cabelos na Europa e Japão.
Mais uns dois ou tres campeonatos de 4, 5 ou 6 estrelas, Bob voltava ao círculo dos vencedores, de onde nunca deveria ter saído.
Ribas, Perrow, Léo Neves, Pigmeu, Marcondes, Beven, Rebiere, Dunn, Saca e Luke Munro garantem a vaga na Europa.
Cuizon, Treko, Gouvêia, Powers, Drew, Bacalso, Dornelles, Pedrinho e Centeio são perigo eminente.
Uma coisa que me chama muita atenção é que o US Open tem tradição mas raramente ondas boas, jamais ondas perfeitas, no entanto goza de um prestígio difícil de engolir.
Quando se referem ao Brasil, a gringalhada lembra constantemente das nossas péssimas ondas, por vezes ridículas, como se fosse privilégio das águas brasileiras.
As ondinhas do Japão e Califórnia não são questionadas pelo poder econômico, pois não ?
Segundo fontes do mercado, nosso mercadinho de merda gira uma nota preta digna de voz em reunião anual das cinco grandes, mas falta culhão para levantar o dedinho e apitar.
Aqui no Bananão, a Reef vende mais calçados do que em qualquer outro lugar do planeta.
Nossos números são assustadores.
O problema é que a grande maioria é tão subserviente que, tomada pelo temor, prefere ficar de quatro e garantir a mesada dos patrões do que discutir a relação.
O mercado tupininquim definha, magro e fraco, alimentando a mão que nos estrangula, refletindo a inustiça social que permeia o país onde o dinheiro escapa entre os dedos.
Ondas ruins no Brasil são quase um mantra da imprensa, daqui e de lá, adestrada pela grana que jorra dos bolsos que não falam português - e repetido pelos nossos mais obedientes, e influentes, servos.
Quanto menos amor próprio, menos exigências, certo Biscoito ?
Gastemos, sem medo...
Portugal, que tambem divide conosco a desvantagem de não falar, nem escrever, inglês, sofre com o pouco caso da ASP e cia, apesar das ondas excelentes.
Mas afinal, o Bob volta ou não volta ?

21 comentários:

Anônimo disse...

Japão nas etapas que sediou nos últimos WCT's teve muita onda, uam final épica, Andy x Kelly, muito melhores que qq edição do Pior dos Piores. Tira daí Saquarema, exceto a final, realizada no Sábado por burrice e mão grande da Leilane. Não fosse ela tava até hj de onde não deveria nunca ter saído.
Qt a Leo Neves, ilusão sua. Surfe potente, tanto qt é fraco de cabeça e amarelo nas disputas (tirando aqui na cozinha, onde é rei). Milagrosamente fez campanha espetacular no Hawaii ano passado, e nem mesmo ele, com bronquice, deve saber como. WCT para ele será bate e volta como foi com Danilo (2x) e parece será com Pedrinho (infelizmente).
Trekinho incomodar? Toda hora só bate na trave, tá com 26 anos e totalmente sem foco e afundado este ano, tem neguinho tapado que ainda fala que ele, Grillo, Neves, e etc... são nova geração... com 26 anos??? Perderam o bonde estes caras a anos! Muita surfe de todos, pouca sorte, pouco foco,e pouca atitude competitiva, faca entre os dentes!
Falar que o Kerr cai, num circuito feito sob medida para quem anda de pula pula (taí a grande vantagem dele, dos Nunes, dos Curran, dos Paulino, Mineirinho da vida) é no minímo corporativismo! É justo um circuito feito para deixar pastando os Bruninho e Tiago Pires da vida isto sim!
Tuas previsões estão muito baseadas no que vc gostaria!
Qt ao Sideshow Bob (isto não é elogio, é pelo cabelo), o mais fake que já vi na tentativa de ser cool, calmo, tocador de violão, largado, e estilo e olhar perdido (um verdadeiro poser isto sim), duvido que volte! Aliás tudo que ele tentou e tenta ser, teve um cara que fez e faz até hj, sem holofotes, carreira estratosférica e com resultados (umas 3x digamos assim) e sem pressionar e ameaçar ninguém (por dizem o tal Sideshow, no Hawaii e alguns certames, é chegado a um certo tipo de pressão psicológica tb...)! Quero queo Sideshow se f...! Prefiro o desenho, é autêntico!

No mais concordo com todos que dizem, esta éa melhor coluna de surfe e o melhor colunista, pq fala sem travas e mesmo que não concordemos, analisa e coloca as questões. Não as vomita, ou repassa copiando press releases dos outros. Basta ver o número crescente de acessos e comentários, média de 10 a 30, enquanto no site com onda em inglês eles atualmente amargam de 1 a 5, qd têm! Ou qd colocam matéria com comentário!
Parabéns e sucesso!

Anônimo disse...

Úhuuu!(gritaria um moleque na areia, assistindo)
Isso está ficando muito, muito, bom!
Parabéns Julio pela brava e afiada escrita, também gostei do comentário anterior, não há necessidade de ofensas sómente por não ter-se o mesmo ponto de vista.
Sigo fiel leitor e admirador deste espaço.
Carlos Eduardo Patussi.

Anônimo disse...

Nunca tinha parado pra refletir , mas tenho que concordar com o anômimo... O Rob Machado faz uma pose de largado , não tô nem aí que é foda , mas surfa , surfa muito .
Se der 1 gás volta , acredito no cara!
Michael Campbell , nunca deveria ter saído . Assim como o Percy.
No mais , meus parabéns pela coluna!

FORZA ITALIA

Fazedor de Video da Esquina disse...

Enfim debates sem meter a mãe no meio...

Mas já q é pra botar lenha, tb divido um pouco a opinião do Machado ser poser. O clima cool me enganou até os meus 15, 16 anos.
Depois passei a ter a impressão de q ele assumiu essa postura p nao ter q engolir q na era do Carlos só sobrava 2o lugar...
Parecia q ele fazia questão de "não se misturar" com a turma q assumidamente suava a camisa pelo q sobrava qdo o Cramulho dava chance.

Mas tudo bem, esse foi o jeito q ele arrumou pra continuar vendendo bermuda sem precisar competir.

E poser ou não, no caso do Urso do Cabelo Duro, isso nao faz a menor diferença.

O bicho pega como poucos. Ainda hoje, tô pra ver 1 dúzia de caras melhores. Mesmo com ele fingindo q não tá nem aí pra nada. Sobra nele a Mágica q não se vê em vários passadores profissionais de bateria por aí.

Já Campbell me parece o oposto.

Legal ver a raça do bicho. O cara sua a camisa sempre. Se taca de cabeça (literalmente) em Pipe gigante, mesmo sem saber o q está fazendo. Tudo em nome do título.

Mas parece q falta aquela mesma Mágica q faz a turma se aglomerar na areia ou na frente da tv p ver o Peruca surfar.

E esse Losness, ainda bem q tu falou dele Julin! Já tava preocupado q tava todo mundo engolindo essa fraude sem questionar. Por algum motivo estranho (talvez dolares?) esse esquisito tá em tudo q é canto, e agora, com seu próprio segmento no último vídeo do T.Steele tá cheio de fã do cara...

Porra, as cabeçadas q ele dá pra tudo q é canto são de fazer os nossos nordestinos do Super Surf parecerem o Curren, ou o Fia, de tão ajeitados. E desconfio q ele tb, não sabe pra q serve aquela parte de fora da prancha, a borda.

É, e enquanto isso, já quase descrentes, seguimos torcendo pelos q sabem usar a prancha toda. Vamu lá ! Mais um ano de espera p ver o Saca, Treko, BS, Rob, Pig e cia na turma dos 45...

Julin, mais uma vez, parabéns! Esse espaço aqui já virou a salvação dessa nossa turma q chora qdo liga o Sportv ou qdo ouve falar das últimas da mais vendida ou do saite das uêives...

O povo demanda - Goiabada todo dia !!!

abs

Anônimo disse...

Excelente visão, comentários e criticas de quem conhece do que se trata. Sem falar nos comentários da galera, cada um com seu ponto de vista, sem agressões a opniões dos outros.
Faço do blog um hábito diário !

abraços.

Brodi

Anônimo disse...

O Rob Machado só não foi campeão do mundo porque faltou culhão na hora h.Apertar a mão do KL na final do pipe masters valendo título mundial é a mesma coisa que pedir camisa pro Zidane depois de ser eliminado da copa,nada contra o gesto mas acho que tem horas que não se pode botar o galho dentro e tem que partir pra cima e isso ele não fez,o que não tira seu mérito ter sido um dos melhores surfitas da sua geração além ter o melhor estilo do tour...

Anônimo disse...

Marrequito,
Valeu o comentário sobre o Losness, devemos ficar atentos à todos esses enganadores, que volta e meia tentão levar o surfe pro lado errado...
Quem não se lembra de:

José Roberto anibal
Davi Husadel
Paulinho Esmeralda
Beto Cavaleiro
Paulo Dolabela
marcos Adn
joca junior
Rico
neno do tombo
gugu de cabo frio
tito monaco
kadu moliterno
thiago brant
paulo vilena
Paulo Lima
formiga

E a lista é grande, isso aí é só o filé mignon!!!

Anônimo disse...

esses anonimos adoram listas ...

Anônimo disse...

Que Michael Campbell seja bem vindo novamente ao CT. Surf power, se não fosse pelas drugs poderia ter sido grande. Vi ele em 1998 na indo pegando tubos inacreditáveis, só que na noite dava pena.

Anônimo disse...

.

Bob Sponja posa de largado-fashion, estilo muito difundido nos arredores do US Open.
Talvez nem tenha culpa, pois ele é produto do mundinho californiano.
Mas surfa MUITO há mais de uma década.

Reza a lenda que para uma boat-trip, em algum paraíso desses, ele levou uns dez pares de botas, de um de seus patrocinadores.
Usar bota num barco no meio do nada só se for para manter a fama de mau...

Acho que não volta pro Dabucetê. Não tem mais pilha, como bem comentado acima.
Mas veremos se na Europa ele consegue resultado pra coloca-lo entre os 15.

.

Mick Campbell disputou cabeça a cabeça com o Danny Wills durante o ano todo em que o Ochillupo foi campeão.
O cara é determinado e não sei muito bem porque ele foi definhando através dos anos.
Mas parece que quer e deve voltar ao tour. Com menos cabelo e com mais experiencia já está em 12º no Dabuqueésse.
E tem 31 anos.

Portanto é cedo pra desistir de acreditar na capacidade de caras com seus 26 anos.
Trekinho, LeoNeves e outros ex-nova-geração não são mais novidades, mas estão batalhando pelo espaço que merecem.
O Pedrenrrique tá lá na festa e ainda não mostrou força para continuar.

No DreamTour de hoje em dia idade é experiencia em onda boa. Deixa os cara...

(OFF-TOUR: O Grillo é o RobMachado brasileiro, apesar de free-surfer. Finge que não tá nem aí e entuba relaxadamente com precisão, como poucos. Ou não.)

.

Quem eu quero ver mesmo no tour do ano que vem é o Pigmeu.
E toda a turma que o "fazedor de filmes da esquina" citou.

.

o bom do blog do tio julio é que são vários blogs dentro do goiabada.
um bando de goiabinhas.

.

Só Surfe Salva.

mr. k


.

fernando dias disse...

Apesar de Leo Neves não ser mais da "nova geração" acredito ser ele juntamente com Raoni os surfistas do Brasa com mais chances no CT. Pancho entrou no circo com 32 anos. Chega de "truques" o que interessa nas pistas do CT é power e linha de onda.
Já Machado esqueçam ele é o parko da nova geração (só que este com MUITO mais surf). Falta para ambos a vontade de vencer. Não vai ser depois de mais velho que machado vai ficar competitivo, não está no sangue. A geração momentum foi distrída por seu integrante mais conhecido.
SLATER encerrou ou obscureceu a carreira dos amigos machado,Dorian knox, curran, kalani, Ross, powell etc. Todos excelentes surfistas da mesma geração se retiraram das competições (menos knox)sem terem conquistado nada de extraordinário. Não fosse o careca estariam com certeza até hoje na ativa e alguns já consagrados como campeões mundiais.

Anônimo disse...

Concordo com o Fernado aí de cima. O careca acabou com as chances dos amigos.

Agora, q vacilo com o cara essa história do Machado levar 10 pares de bota pr' um barco só p manter a fama de mau... Mau comido, hein..

Esquisito...

. disse...

.

quarenta e nove mil seiscentos e setenta e oito visitantes...

êita goiabada famosa.

.

vai ter prêmio para o freguês número 50.000 ?



mr.k


.

Anônimo disse...

pô aí...só comentário massa, a raaaaça tah afiada...goiabada todo dia não enjoa....A lista dos enganadores "esquecidos" acima tah mesmo o filé!!! Pau na roda desses enganadores...

Mr. Y

Pgatti disse...

J.A., já pensou em ganhar dinheiro com isso?? Como já disseram, a concorrência tá fraca demais...

Paulo (mais leitor do que escritor)

Ryfer disse...

Que diferença faz se o cara é poser, punk, relax ? O Edmundo era animal, O Dadá figueiredo era punk e metiam lá dentro a torto e pra direita. Se o cara leva dez botas pra Indonésia ou a chuteira milionária aperta... E daí?

No mais, no more
listas! listas! listas!

Johnny Utah disse...

"Ryfer said...

Que diferença faz se o cara é poser, punk, relax ? O Edmundo era animal, O Dadá figueiredo era punk e metiam lá dentro a torto e pra direita. Se o cara leva dez botas pra Indonésia ou a chuteira milionária aperta... E daí?"

Ficar se ligando no "estilo" dos caras, comportamento na night etc eh papo de maria parafina, deixo isso com elas
O que me interessa é o estilo dentro d'agua, se surfa no crítico ou peida pra junção, se bate na cara ou passa por fora, bota pra dentro nas placas ou sai por cima...

Quanto ao Slater, ter encurtado a carreira dos amigos é a consequência dos esportes individuais de competição tipo Highlander: there can be only ONE!. O Letting Go (se não me engano nos extras) retrata bem o que é não ter amigos no circuito e ir conversar com os comentaristas ou então ter que chamar o Eddie Vedder pra ver uma etapa...

Anônimo disse...

Caro Johnny, o surf é mais que um um esporte é um estilo de vida. Se você "só se interessa é pelo estilo dentro d`agua" o que você está fazendo perdendo tempo na internet, e especialmente num blog abrangente sobre a cultura do surf.? E por sinal o que me interessa se slater não tem amigos? e dái? não é esse seu pensamento...? Relaxa meu...O surf é muito maior do tu imagina.

Marcio (Cabo Frio) disse...

Julin, endossando a lista dos maiores engôdos do surf, se liga nessa: O Pateta do SporTv, Tiago Brant, me solta a seguinte pérola: O documentário Dogtown´n´Z-boys foi dirigido pelo fazedor de vídeo TRACY PERALTA (!!!).Ora, qualquer um que está ligado no nosso mundinho de faz-de-conta sabe que o nome correto da criatura é STACY PERALTA, retratado no longa "Lords of Dog Town" como sendo o maior viadinho do mundo do sk8 até então....

Johnny Utah disse...

Tranquilo Anonymous (bota um nome qq ae q facilita), tô relaxado meu sou surfista se lembra? :)
Perco mais tempo vendo previsão de ondas ou news de surfe do que aqui no blog, que ta cada vez melhor na analise do CT (mais um péla pra lista Julio!)
Mas pode-se dizer que internet e perda de tempo são quase sinônimos as vezes né?
Ainda mais quando não entendem o que se escreve...
Então, cessando a perda, você tem toda a razão cara
Um abraço e boas ondas, pq é muito melhor estar dentro d'agua do que num escritório fechado na frente do computador o dia inteiro...

J.A. ( o outro) disse...

Não dá pra querer fazer previsões que é agora que o QS fica chapa quente... essa mexida que remodelou o circuito recentemente, tornou a disputa bem dinamica e emocionante, com vagas indefinidas até a última etapa.
Como bem sabem os que acompanham o circuito a mais anos, o auge da forma dos atletas tem quer ser nesse miolo de ano, que vai definir melhor o pelotão que vai ter alguma chance, e assim surfistas + experientes e espertos não gastam tanta energia na largada abrindo espaço para os cavalos paraguaios.. Ribas , treco, pig ... todos esses ainda com placares em branco só esperando sua ascenção para + perto do topo.
APOSTAS : Neco e ribas já estão lá, o pig só está esperando seu dia chegar ( e ele vai chegar), treco sempre faltando " o resultado", uma vitória ou final de camp importante para chegar ao Olimpo( será q vai dar).... no mais minhas outras apostas brasileiras seriam o Jihad e seu surf elétrico e o heitor alves que tem o surf perfeito para diversas condições de onda que tenho acompanhado esse ano no qs ( 1, 2 pés irregulares). Dos gringos eu gostaria de ver o ben dunn na elite . é isso.