segunda-feira, julho 24, 2006

Guia de imprensa para editores prolixos e apresentadores levianos

[Atenção: o link no título é meramente ilustrativo e pode causar sérios danos ao repórter empantufado]



Passamos da metade do circuito, agora restam 5.
Na ponta do lápis Taj dá uma encostadinha, de leve, no Carlos.
Os números são frios e cruéis.
Desde que se recuperou da contusão, Carlos fez uma quartas de final e uma semi-final.
Seus adversários diretos, Andy e Taj acordaram pra vida, A.I. com seu primeirão no Mexicuzinho malacompanhado por um 33 em J. Bay que vai virar pó, ou seja, descarte, desconsideremos portanto.
Taj foi à semi no Search 'CT e final em J. Bay, consistente como um carrapato no calcanhar do KS7 -carrapato no calcanhar ?, eu disse isso ?
Em seis eventos descartamos os dois piores resultados pra ver no que dá.
Slater fica com dois primeiros e dois terceiros, descarta um evento que perdeu e um quinto (!!) = 4152
Taj, dois vices (parece o Vasquinho, pô!), um terceiro e um quinto, descartando 17 e 9 = 3672
Andy, primeiro, terceiro e dois quintos, tira o 33 de J. Bay e um nono = 3540
Bobby, primeiro, terceiro, quinto e nono, sai 33 e 9 = 3408
Fort Knox, 2, 3, 5 e 9, descarta dois 17s, típico do Taylor, né ? = 3240
Damien, 1, 5 e dois 9 = 3132
Joel, 2 e tres 9 = 2832
Eugene, finalmente primeiro, um 5, um 9 e um 17 = 2942
Reyes = 2940
Whitaker = 2664
Cijêi = 2486
Bruce = 2474
Cansdell = 2584

Trabalhão danado, essas contas, mas alguem precisa fazer o trabalho...
Negócio agora é corrida contra os descartes, quem tem põe,quem não tem, segura.
Trestles gosta dos holofotes e dos resultados polêmicos, esperem Taj em mais uma final se não topar com o garoto mais querido daquele lado de Roliúdi, Dane 'Golden Boy' Reynolds.
Reynolds terá seu próprio filme lançado adequadamente durante o WCT e deve uma atuação no mínimo a altura do Jordy Smith em Jeffreys.
Andy tem uma relação de amor e ódio com Trestles, quase perdeu um título lá graças a uma derrota inusitada para seu caçula.
Kelly só perde em Trestles se tiver sua cabeça distante em outras merdas - espaço para trocadilho de publicitário paulista: e merdas, por lá abundam.
Depois, Europa.
Ah, Europa...
Seus vinhos, gastronomia, chocolate em todas formas e sabores, mocinhas despudoradas, ondas maravilhosas que não oferecem risco nenhum, fotógrafos deslumbrados, pequenos traficantes, dias de 14 horas e noites de 48 horas.
O ritmo é de fundo de areia, chega de corais, pedras, ouriços...mariscos.
Quem ganha ?
O amigo da terceira fila que disse Mineirinho, acaba de levar um sopapo da marca Oakley, com MP3.
Na conta que fiz acima, deixei propositadamente o brasileirinho maravilha.
Vejamos: Adriano, um terceiro e um quinto, um 17 e outro 33 = 2243
Feijão Mineirinho Maravilha já tem seus descartes se pretende mesmo chegar entre os 16, ou até mesmo, amigos, por que não, top 10 ?
A hora é essa.
O tempo é generoso com Vitinho e os próximos 4 campeonatos podem dar uma mãozinha na sua vigésima rodada de circuito.
Pedrinho merecia ter a chance de mostrar porque entrou no WCT e Trestles é uma onda que tem seu nome escrito.
Peterson, desde 1990, com 15 anos, atormenta a ASP e não arrefece por nada - um leão.
O camarada Manuel diz que o WQS vai pegar fogo.
Neco para presidente e WQS 3 x.
Como eu queria ver o Léo Neves derrubar umas páginas duplas e ir pras cabeças do ranking...
E o Treko, e o Pig.
Luke Munro e Ben Dunn são tiro certo.
Não gasto um centavo no Kling.
E Saca, médio ligeiro que apetece lutar contra pesados - e ganhar.
Apertem os cintos (os cintos, eu disse!), uma perna cabeluda se aproxima.

30 comentários:

fernando dias disse...

mandamentos:

Parabéns pela coluna = animal

Primeiro ano que a decepção australiana taj Burrow , apresenta um surf de campeão mundial, mas ainda lhe falta power.

Fanning é muito inconsistente, mas sem dúvida nenhuma é o surfista mais rápido do tour.

Que fique bem claro o adversário ao título do slater é A.I., na hora de pega prá capá é o único que pode ganhar do careca.

Se Robert K.S quiser realmente ganhar esse ano não deve levar a decisão contra Irons pro Hawaii.

Parko tem surf de campeão mundial, mas simplesmente parece que esse não é seu objetivo.

Taylor Knox é mais burro que uma porta.

Anônimo disse...

Jbay foi sem vergonha, mas perfeito! E nem assim foi! Nem adiantou o batuque no atabaque de algumas pessoas e atletas para melhorar, e nem o batuque com reza forte de outras e outros para continuar do mesmo jeito! Nem assim adiantou!
Bom o consolo é que sempre se pode batucar e secar forte as mesmas condições sem vergonha em outros picos!
E contar sempre com a campeã da depressão, que não falha nunca, todos os anos, regada a muita cerveja e badalação, e com muito atabaque e reza forte de pessoas e atletas para continuarmos com as condições "deprês", e até se possível uma piora, para manter o título de Pior! Friamente é a melhor das chances!

Qt ao Taylor ser burro, é o típico caso da "verdade" que é passada de jornalista para jornalista... e comprada por "jornalistas"! Ainda assim preferia ser burro e ter a linha de surfe dele e estilo, que 90% do circuito, brasileiros inteiros incluídos!

Anônimo disse...

E o "jornalista" não se trata do Júlio Adler que fique bem claro! Neste blog fica nítido em alguns comentários, que lê-se rápido e entende-se visualiza-se e entende-se o que foi postado muito pouco na mesma proporção! E tb não é o caso do Fernando acima!

Anônimo disse...

com certeza, não há nada e ninguém no Brasil que fale/escreva sobre surf com imparcialidade e abstinência que este sr. Julio Adler..... Quanto a preferir ser burro e batucar o atabaque....não sei não..!!

Luiz Antônio Castro

Anônimo disse...

Vc só comprovou o que disse no segundo post Antônio! Leia e releia se quiser, e até entenda se quiser! Misturou tudo e não entendeu o que quis dizer!

fernando dias disse...

Na minha humilde opinião knox está entre os 5 mellhores surfistas do CT, tem uma linha de surf e power que pouquíssimos tem no tour. Chamei ele de "burro", pois ele não consegue mostrar na competições o quanto realmente surfa, apesar deste ano ter conseguidos bons resultados, como um 2º, 3º. é inconsebível um surfista deste potencial ter ganho apenas uma etapa do CT, e no brasil em condições ridiculas.

Ryf disse...

Foi o careca que surfou com uma porta, em um desses filmetes ?
De portas, o mundo tá cheio. E não precisa ir longe. Do presidente dos Desunidos ao editor da mais vendida, passando por bundas irretocáveis na tv...
E parece que o público tem fascinação pela bunda - digo, burrice...

Anônimo disse...

desde 2004 deixei o menguinho de lado, pendurei minhas chuteiras e minha camisa-adidas-numero-10-do-zico em algum lugar do passado e decidi só torcer pela seleção brasileira. agora nem isso. minha maior torcida hoje em dia é pelo circo do dabucetê.

torço pelo bom futebol, digo, bom surfe. não necessariamente pelos oito brasileiros do tour. torço pelo carlos leite, torço contra o endiairons, torço pelo raoni... torço também pelo saca e pelo marcelo pessoa, apesar deles não estarem na elite.

torço pelas ondas clássicas de fiji, de jeffreys, de pipeline, de algum lugar no mexico... adoro acompanhar o circuito dos sonhos pela internet, pelos podcasts, pela televisão.

e, nesses tempos de muita informação, conto com a analise certeira e atualizada da mesa redonda do blog do julin.

- - -

o que eu mais gosto são as porradas verbais entre nós, leitores...

- - -

botando lenha na fogueira: knox é o jumento que mais surfa bonito no mundo todo. lembrem-se que ele é um vencedor: podia nunca mais ter surfado, depois de uma operação na lombar quando jovem. o cara tá aí, 35 anos de praia, mais de uma dezena de anos no tour e quinto na lista dos homi.

torço pelo teilornox. o cara é um dos poucos que dá vontade de se ver. como diria o poeta: estilo é fundamental.


mr. k

Anônimo disse...

Hard Times Magrinho... Na Hardbore, digo Hardcore, a rapaziada pratica o town-in (o que seria isso? Surfar na Paulista numa Al Merick com rodas, rebocado por uma Ninja, numa noite de "neve"???) Na Fluir o Guaraná (taí?) acha que "o Grande MP" é o Marcelo Peninha e não o Michael Peterson... No Sportv o tal Thiago extrapola no deslumbre, mas é miúdo no conteúdo, um frangunho na informação.
No ESPNBR, o melhor surfista do Brasil, Formiga, faz e acontece...
As marconas Billa, Rip, Quick etc... metem a mão nos mercado brazuca... cobram R$ 50,00 um t-shirt, levam nosso dinheiro, remuneram nossos atletas com os trocados que tem nos bolsos, e vai milhão pra AI, pra KS, pra Occy, pra Parko, pra Bruce...on and on...
Pôrra Magrinho, só não malha as gostosas... imagina esse cenário de antas vaidósas, essa mídia malandra, essa ganâcia por exposição, esse medo de ser esquecido que à tantos atormenta, essa porra toda, SEM AS GOSTOSAS???
Segue seu caminho Magrinho, mas não encosta a mão nas gatas...
abraços,
Don Carlos

Anônimo disse...

Frase do KS para Mike Parsons e para os acompanhantes via Internet na etapa de 2005 em J-Bay 6/7 pés sólidos, depois de ter surfado sua bateria no round 3, e comentando a bateria na água entre Taylor Knox e outro que não lembro (acho que o Emslie): "Oh! It's art man! It's art!" (para os que sempre dizem amém ao KS um prato cheio)
Taylor tinha acaba de dar uma cavada de cara n'água, uma puta porrada e em seguida rasgando para dentro com um cut back. Um movimento só.
Isto é o surfe para ser apreciado, e qd se torna perfeito para os olhos: onda boa, forte (não me refiro a ser gigante), longa para atletas forçando manobra em sequência (seja quem for), velocidade e estilo. Igual ao que se cobra da seleção brasileira, jogar bonito sempre. No meu caso no monitor vendo estas etapas do WCT, é isto que sempre espero!
Menos que isto é para surfe de burocrata e pobre de espírito (mesmo sendo as regras do jogo)!

Anônimo disse...

APOSTO 2 CHOPPS NO CARECA !!

FORZA ITALIA

Anônimo disse...

Não é minha intenção puxar o saco de ninguém aqui, mas meu irmão, nessa temporada tá foda.
Esse JA tá com a corda toda.
Lembram-se de como algumas revistas brasileiras ganharam prêmios da ASP por suas coberturas no mundial?
Pois acho que deveria haver o mesmo prêmio para a cobertura nesta chamada edição on-line.
Pelamordaquele... Onde já se viu tanta informação em um espaço tão curto. E informação de primeira!!
Salve JA!!!

Anônimo disse...

FORTKNOX, LUKE EGAN...PENA, MAS...ÉPOCAS ERRADAS!! ME FAZ LEMBRAR A TRISTE SITUAÇÃO DO ETERNO VICE CAMPEÃO CHEYNE HORAN.C'EST LA VIE!

Anônimo disse...

época certa.
...
a presença e talento desses caras é que valorizaram, e valorizam, ainda mais a penca de títulos do cramunhão Carlos Leite.
--
ele foi campeão sete vezes surfando contra cabras de quilate. os contemporâneos de kelly slater fazem parte de várias gerações: Gerlach, Wood, Knox, Egan, Taj, Parkinson, Fanning......

Todos eles com surfe de campeão mundial, e se o tivessem sido, não seriam contestados (como por exemplo, foi Derek Ho)

eles autenticam a qualidade dos sete títulos do careca bünchen.



mr. k


.

Anônimo disse...

.

ERRATA: por favor troquem o "Wood" acima por "Machado" e "Dorian".

mr. k


.

Anônimo disse...

to mr k .. se voce tivesse visto o wood com dezesseis anos acho que voce manteria ele na lista !

Anônimo disse...

Com as devidas proporções Leo Neves é T.Konx brasileiro.

Anônimo disse...

É, até q faz sentido. Surfa forte e é uma anta...

Tomara q pelo menos ele faça metade do q o TK fez no circuito.
O Brasil tá precisando de mais um cara pra dar patada de verdade sem ficar todo desengonçado em cima da prancha.

mr. k disse...

.

eu também vi o Nick Wood com dezesseis anos, vencendo Bell's espetacularmente.
o matusquela quase teve que pedir pro tio Mark ajuda-lo a tocar o sino da vitória...

Não vi ao vivo pela web, mas nas tardes do Realce (muitas semanas depois do evento, como era de costume no século XX). Além das cenas do campeonato de Bell's Beach, tinha rolado no Realce um video de um campeonato local que rolou antes, Surfers Against Nuclear Destruction (!), com a participação da nova sensação australiana: NickWood. Foi a primeira vez que os tupiniquins viram aquele muleque surfando, mudando paradigmas e completando floaters inimagináveis prà época. Com leveza, velocidade, radicalidade e estilo.

NickWood surfava pra caralho.

Mas a sua cabecinha de merda atrapalhou o plano aussie de levar seu talento para o topo da lista.
Ele foi se acabando nas drogas e sua carreira (carreira?) foi indo pelo ralo.
Ele foi um quase-gênio. Ele tinha os ingredientes necessários, mas deixou o caldo desandar.

Então não dá pra coloca-lo no mesmo patamar dos outros "CheyneHorans" da época do KellySlater.
E está bem trocado pelos incontestáveis RobMachado e o ShaneDorian.


Mas, com certeza, ele mostrou um jeito novo de andar sobre ondas.


mr. k


.

Anônimo disse...

mr. k

Tu só trocou um detalhe sobre o Wood...
O cara era rápido, leve e radical e surfava pra caralho, até ai tudo bem.
Já o "estilo"... como era feio.
Acho que o tempo ta apagando da tua memória as tardes de realce :)
abçs,

Anônimo disse...

Leo Neves eliminado na primeira rodada do US Open...talento desperdiçado...queria ve-lo no CT mas acho que nunca vai acontecer, quem perde é o surf brasileiro. Só raoni, e mineiro tem nivel de surf dele. Uma pena.

Anônimo disse...

Melhor coluna do Brasil sobre CT, mas um pequeno equívoco, restam 6 etapas e não 5.
No mais OK.
Obrigado Julio.

Anônimo disse...

Acho que o Raoni é disparado o melhor brasileiro do CT,o único com gás pra chegar nas cabeças em qualquer condição do mar,o Mineiro tem potencial para os próximos anos e o resto é figurante.Mas a real é que o Brasil está londe de ter um campeão mundial. Os surfistas brasileiros precisam botar na cabeça que não dá pra viver no Brasil e ser top 5 do mundo por mais de uma vez...A galera do skate se mandou,passou perrengue fora mas penetrou no mercado americano com força,os caras sacaram que não dava pra conquistar o mundo morando aqui no "bananão" e foram a luta,como resultado ganharam respeito dos juízes,atenção da mídia gringa e mostraram que nosso país pode enfrentar os EUA e outras potências econômicas de igual para igual...Já o surf no Brasil continua a ser de segunda divisão,tipo Santa Cruz,Payssandu que jogam a série A caem para a B,volta para A,caem para a B e por aí vai...

Anônimo disse...

Raoni e Mineiro são os mais preparados e com surf para estar entre os cabeça, mas não podemos se esquecer que ano que vem, NECO está de volta a elite, e acredito eu, mais focado e com vontade de vencer, torço por ele.

Anônimo disse...

Tudo bem q o Mineiro é talentoso paca. É até provável q ele vá bem longe em breve.

Mas colocar ele no nível do Raoni é sacanagem com o Monstrinho. Até onde sei, competir é uma coisa, surfar é outra. E o Raoni surfa muuuuito mais q o Mineiro.

Pena q a quantidade ridícula de bagulho e etc, junto com a "excelente" cultura adquirida em Saquarema provavelmente não deixarão o moleque jamais chegar perto do q poderia...

Mas não dá p viver de "se..."

É uma pena torcer pr'aquele q a gente sabe q nao vai ganhar...

mr. k disse...

...

realmente o estilo rubber-man do NickWood não era o seu ponto mais forte.
reconheço o lapso.

(e não é só tempo que tem apagado minhas memórias... muito sal nas idéias, se é que me entendes.)

brasss

PS: Raoni, Mineirinho e Neco são os brazucas menos contestados entre os gringos.
Deve ser porque eles surfam MUITO. Muita força e sorte para os três.

...

Anônimo disse...

J.
por isso eu torço pro gambá,
já comemorou bodas no circuito mas sempre da canseira na molecada quando as condições o favorecem, um eterno garoto.... e com uma historia de vida digna de um doc nos moldes do fabuloso... sempre tendo que remar contra a maré Vitinho é um dos surfistas que dá mais gosto de "torcer" no circuito

Anônimo disse...

Leo neves foi eliminado na primeira fase do US OPEN....inacreditável. O que acontece?

Johnny Utah disse...

Vários ja me falaram do hábito comum a Neves e Monteiro de "viver para a erva" e não o contário.

mr. k disse...

.

quarenta e nove mil seiscentos e setenta e oito visitantes...

êita goiabada famosa.

.

vai ter prêmio para o freguês número 50.000 ?

.