sexta-feira, junho 23, 2006

Now you're talking



Irons sente o cheiro de sangue.
Antes de qualquer outra coisa, não me lembro de ter visto um aéreo tão alto numa final de campeonato - nem em nenhuma bateria.
A Rip Curl teve uma sorte que será difícíl de igualar, ou por outra, a idéia do WCT móvel, um ano em Reunião, outro no México, quem sabe em Madagascar no ano que vem ?, é genial.
Lembro ao amigo que essa campanha, The Search, saiu da cuca do Derek Hynd.
Será complicado algum outro campeonato em 2006 chegar perto do que foi 'La Busqueda' mexicana.
Mas, pensando bem, temos Jeffrey's, Mundaka e o Pipeline Masters, que inesperadamente pode tornar-se um campeonato histórico, tudo depende do humor do nosso melhor amigo, Netuno.
Quem esteve distante do resto ?
Slater
os dois Irons
Martinez
Knox
Reyes
Pancho
Damien e C.J.
Wardo

A corrida ao título de zero-meia começa agora.
Um erro crucial do Slater pode atrasar, ou comprometer, sua oitava coroa.
Contra Knox, freguês de carteirinha do Careca, Slater não acreditou nas chances do Bonehead, afinal de contas, nas oitavas em Bell's, Slater amassou Knox sem a menor cerimônia, inclusive empurrando um nervoso Taylor em ondas ruins, estratégia bem dominada por Kelly, aprendida com os velhos mestres da catimba, Lynch, Kong, Curren, Pottz e cia.
Martinez tem agora dois nonos (deve descartar um deles), um quinto, um terceiro e um primeiro.
Irons tem, um nono, dois quintos, um terceiro e um primeiro.
Taj, um 17 (descarte), um nono, um quinto e um terceiro.
Knox, um 17, um nono, um quinto, um terceiro e um segundo.
Damien tem um quinto e um primeiro pra entrar na briga.
A turma de baixo precisa começar a ganhar, ganhar e ganhar se sonha ainda com alguma coisa mais do que o top 10.
Fanning fica devendo, parece ainda estar sob efeito do fabuloso 'comeback' de 2005.
A brasileirada disputa 17s e 33s, por enquanto Paulo Moura tem mais 17s do que 33s e é o melhor brasileiro, mas Mineirinho sobe com descarte - Raoni, contundido até essa etapa, começou quente, mas tem um quinto e só.
Peterson fez as honras da equipe em Barra e Yuri deixou sua marca no placar dos 10 do ano.
Mais não digo.
Pedro Henrique precisa duma vez por todas entrar na bateria para vencer e não para se consagrar - isso pode ser feito mais tarde, com a cabeça no lugar.
Adriano tem tudo, velocidade, manobras eficientes e modernas, explosão, mas falta uma ou duas rodadas de circuito até ele aprender, por exemplo, andar no lugar certo da onda.
Na sua primeira bateria, escolheu as melhores ondas, conseguiu boas notas, mas me pareceu aflito demais em fazer a onda, ficando muito na frente dos espetaculares tubos mexicanos.
Na bateria que perdeu, ficou a péssima impressão de que se entregou e deixou Parko, mesmo sem muito brilho, levar a contenda.
Próxima parada, J. Bay, é uma das ondas mais difíceis do planeta de surfar bem e costuma destruir reputações de surfistas afobados.
Bobby, 'El Chicano', Martinez leva vantagem por ter crescido em Santa Barbara surfando Sand Spit, Rincon e outros point-breaks menos citados.
Andy tem fome.
Knox encaixa como poucos lá.
E 'El Rey', Slater, quer provar tudo de novo...


1. Kelly Slater (USA) 4233 points
2. Andy Irons (HAW) 4140 points
3. Bobby Martinez (USA) 40008 points
4. Taj Burrow (AUS) 3650 points
4. Taylor Knox (USA) 3650 points
6. Damien Hobgood (USA) 3542 points
7. Joel Parkinson (AUS) 3052 points
8. CJ Hobgood (USA) 2896 points
9. Bruce Irons (HAW) 2884 points

15 comentários:

Marcio disse...

Fala Julio,
Navegando no seu blog, que é uma das coisas mais legais daqui da terra do Sambódromo, achei um posta antigo que continha um link para o tracks com uma entrevista com o MP. Começei a ler, mas tive que desconectar. Qual não foi a minha surpresa quando ao chegar em casa e acessar o seu blog, os posts antigos sumiram !!! E ainda falta eu ler um monte....
Se não der para repostar os posts (pela data) me manda de novo o link da entrevista com o MP...
abrazzo

Julio disse...

Marcio,
no meu computa tá tudo funcionando.
Tenta novamente.
abrazzo
Julio

Gabiru disse...

Carlos Leite 8x campeão do mundo.

Aposto um galo!

ST disse...

Como diria um conterrâneo sulista: "assino embaixo".
Saudações.

Anônimo disse...

Uma pena que não venceram na copa, pois assim fechariam com chave de ouro a semana.

Anônimo disse...

Angumas considerações do WCT:

Wardo, a farça americana, não tem uma linha de surf, para as pistas do CT, mas seu surf cresce em tubos para direita como beckdoor, o resto é malabarismo em beach break. è idolatrado mais por suas atitudes fora dagua que pelo seu surf. DOIDÃO

Dingo, Surfa muito, seus resultados não representam o quanto surfa, MUITO bom em direitas e esquerdas tubulares,mas tem dificuldade quando tem que atacar a onda de backside. Muito loco, foi afogado no próprio mijo em FIJI, por LAIRD Hamilton por ter saido da linha.

Parko, cutback mais redondo do tour, parko faz parecer facíl surfar, mas falta vontade, como faltava ao bob machado nos anos 90.

Bruce, Melhor tubrider do mundo,no seu terceiro ano no CT está se começando a se adaptar ao CT.

Knox, estilo mais bonito depois de tom currem, usa muito as bordas, depois de 13 anos de tour parece ter aprendido a competir. O "cabeça de osso" na real distrói.

Anônimo disse...

comentários de um goiaba anônimo

1.imagina o currem nessa onda? diz a lenda que o freesurf antes do campeonato foi fenomenal... cadê as imagens?

2.se passassem as baterias do dabucetê ao vivo no SPORTV 72, vcs escolhiam o jogo do brasil ou a baterial entre slater e knoxxxxx???

3.algum goiaba usa pranchas do jamelão? se não usa, encomende uma amanhã!

4.será que o trekinho fazia um bonito no méxico?

5.aos goiabas de plantão: o mundo não precisa de tantas verdades. precisamos de mais verdudes.

Anônimo disse...

fODA-SE A SELEÇÃO BRASILEIRA (LEIA-SE CBF) ROUBARAM ESCANCARADAMENTE O CAMPEONATO BRASILEIRO DO INTER! ficaria vendo uma bateria do Luke Stedman x M. Nunes do que torcer para esse bando de ladrão!

Anônimo disse...

Completando os comentários dos tops 45:

Taj, a decepção australiana, apesar de realmente pegar bons tubos para a direita e fazer aereos malucos, falta claramente PRESSÃO nas manobras, marqueteiro de marca maior.

Anônimo disse...

Tem um ZERO a mais na pontuação do Bobby Martinez no final do texto.

Anônimo disse...

Kelly não deixa para decidir no Hawaii....

Anônimo disse...

raoni, a decepção brasileira.

Anônimo disse...

O que acontece na verdade é o que Knox é tão BURRO, que ninguém imagina que ele possa ganhar uma etapa, qualquer erro de estatística em se tratando do "bone head" é desculpável!

Johnny Utah disse...

"Wardo, a farça americana, não tem uma linha de surf, para as pistas do CT, mas seu surf cresce em tubos para direita como beckdoor, o resto é malabarismo em beach break. è idolatrado mais por suas atitudes fora dagua que pelo seu surf. DOIDÃO"

E que atitudes seriam essas que conseguem manter um cara no WCT?
Eu acho que o cara quebra, mas esta um nível abaixo da elite do CT, diga-se Irons brothers, parko, fanning, taj, slater e alguns outros em seus melhores dias.

"Dingo, Surfa muito, seus resultados não representam o quanto surfa, MUITO bom em direitas e esquerdas tubulares,mas tem dificuldade quando tem que atacar a onda de backside. Muito loco, foi afogado no próprio mijo em FIJI, por LAIRD Hamilton por ter saido da linha."

Esse eu acho PREGO, só sabe dar batida. Afogado no próprio mijo????? E pelo Laird????? Bizarro!!!HAHAHAHA se for verdade é hilário!!!!!

Anônimo disse...

Na verdade UTAH, o wardo só se reclassificou pelo "injury card". E esse ano está no 26 posição. aparecu muito bem na sua primeira etapa no CT em snaper quando eliminou slater e ficou em segundo de lá para cá não disse para que veio. Tem problemas com CRACK.